Menu

Monte Shasta, Califórnia

Próximas Saídas
Monte Shasta, Califórnia

Reconectando-se com a sua essência

Monte Shasta, Califórnia

Conexão com o Campo Cristalino da nova Lemúria

 

 

Dia 1 – (13 de maio de 2019) – São Paulo / Los Angeles

Apresentação no Aeroporto Internacional de Guarulhos, munidos de Passaportes válido, vistos e vacinas necessários a esta viagem. Embarque em voo destino Los Angeles.

Chegada a Los Angeles. Depois de passar pela imigração e alfândega, encontro com o nosso guia. Transfer para o hotel, check-in e descanso. Pernoite em Los Angeles.

 

Dia 2 – (14 de maio de 2019) Los Angeles

Café da manhã. Excursão de dia inteiro a Los Angeles – Beverly Hills, Boulevard Sunset, Hollywood Boulevard, Teatro China, Rodeo Drive, Downtown, Santa Monica e Venice Beach. Pernoite em Los Angeles.

 

Dia 3 – (15 de maio de 2019) Los Angeles – Monte Shasta 960 km

Café da manhã. Partida para o Monte Shasta. Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 4 – (16 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Visita à Cidade de Shasta e atividades na Montanha de Shasta. Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 5 – (17 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Atividade pré Wesak à confirmarPernoite no Monte Shasta.

 

Dia 6 – (18 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Visite a Abadia de Shasta.

A Abadia de Shasta é um Mosteiro Budista na Tradição Serena de Reflexão (Soto Zen). Um mosteiro da Ordem de Contempladores Budistas, foi fundado pela Rev. Mestre Jiyu-Kennett em nome de sua Professora, a Venerável Keido Chisan Koho, em 1970, como um local de treinamento para monges budistas, homens e mulheres, e um lugar de prática para leigos. Oferecendo o Dharma – o Ensinamento do Buda – a todos que desejam.

Neste Mosteiro teremos a participação na Cerimônia de Wesak 2019 (Wesak Retreat & Ceremony). A palavra WESAK origina-se no Sânscrito e quer dizer MAIO.
Na realidade (maio ou wesak) em sua Lua Cheia é comemorado com um festival mundial, onde pessoas de todas as partes do planeta celebram a Vitória de Gautama, o Buda.
É uma festividade dos povos budistas de todo o planeta. Nesse momento em que a Terra passa pelo signo de Touro é que a humanidade recebe um eflúvio de forças divinas do Buda Cósmico, como uma espécie de incentivo e choque espiritual para nosso Despertar Superior
A liberação de poderosas energias podem afetar poderosamente a humanidade e que, se liberadas, estimularão o espírito de amor, de fraternidade e de boa vontade na Terra. Essas energias são tão definidas e reais como são as de que se ocupa a própria ciência que as chama de raios cósmicos.
O Festival de Wesak marca o nascimento, iluminação e morte de Gautama, o Buda e é o grande Festival de Encontro Espiritual do Oriente com o Ocidente.

Na lua cheia de Touro é realizada a celebração máxima do Budismo, o Festival de Wesak, no vale dos Himalaias, na Índia, em homenagem a Lord Gautama.

O Wesak é um momento especial pois renova nossas forças no sentido de acelerar nossa própria Iluminação e o ápice desse momento é quando a Lua Cheia de Maio surge no céu trazendo energia adicional e luminosa a cada pessoa que de puro coração se propor a renascer em si mesmo como a ave FENIX.

Este sagrado Momentum favorece a avaliação de nossas imperfeições mergulhando nos registros do subconsciente para descobrir e transmutar padrões rígidos e escravizantes que ainda possuímos em Liberdade, Felicidade e Iluminação.

Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 7 – (19 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Visita ao Panther Meadow Trail com atividade de meditação e conexão em grupo. 

O mais antigo Templo ao Ar livre na região de Shasta, reconhecido mundialmente como local onde Mestre Saint Germain e Mestres da Grande Fraternidade Branca inspiram buscadores espirituais. Local Sagrado para os Índios Nativo Americanos que traz segredos para as próximas gerações.

O Panther Meadow existe por causa de uma nascente que irriga o solo vulcânico estéril do Monte Shasta, onde a água atinge a vida próspera. Como a primavera não é grande, o prado em si não é extenso. É dividido em uma seção superior e inferior separada por uma faixa de hemlocks. Ambas as seções têm uma vista maravilhosa do Monte Shasta, mas onde o prado inferior fica na sombra de Gray Butte e tem uma boa perspectiva sobre essa montanha cênica, o prado superior é uma grande vantagem para olhar para o sul e ver os picos escarpados de os Alpes Trinity Divide e Trinity. O prado é frágil e o Serviço Florestal tem feito esforços para manter os caminhantes na trilha para não danificar ainda mais as gramas. A área ao redor do prado é típica de ambientes de alta altitude no Monte Shasta. As rochas são abundantes e o solo é pobre, proporcionando um contraste notável entre a campina e a área ao redor. Muitas pessoas consideram o Panther Meadow um local sagrado e não é incomum encontrar pessoas meditando ou realizando outros rituais e cerimônias.

Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 8 – (20 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Visita as Cachoeiras de Hedge Creek, local definido como o Portal de acesso à Nova Lemúria, onde faremos a reconexão ancestral e resgate da essência pessoal.

Local da Lemúria sintonizado à Energia Feminina e ao Poder do Amor Incondicional. Hedge Creek Falls é uma pequena cachoeira cênica. É mais íntimo do que grandioso. Isso se deve ao tamanho da cachoeira, a chance de chegar perto dela na trilha e uma oportunidade bastante incomum de viajar atrás da água que cai. O elemento mais notável da cachoeira é o penhasco através do qual ela flui. A parede é composta de basalto colunar, uma formação causada quando a lava esfria e racha formando colunas de rocha verticais, de forma aproximadamente hexagonal. A parede está, na verdade, a cerca de 10 pés acima do solo porque há uma fissura cortada profundamente na base da parede, criando uma espécie de caverna. A parede é um destino popular para os escaladores de rochas e, se eles não estiverem presentes enquanto percorrem a trilha, parte de sua proteção anexada ao penhasco ainda pode ser vista por observadores cuidadosos. À medida que a trilha se aproxima das quedas, ela se aproxima do córrego e segue em direção ao rio Sacramento. O caminho se torna um pouco mais rochoso quando passa pelas cachoeiras e entra na caverna atrás da cachoeira. As rochas formam pedras de piso para evitar o solo lamacento.

Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 9 – (21 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Visita Burney Falls, no McArthur-Burney Falls Memorial State Park, onde trabalharemos os elementos ÁGUA E AR. 

Uma das cachoeiras mais espetaculares do Estado, se não do continente, esta cascata com cerca de 40 metros de altura parece ter surgido do nada. Localizada a 95 quilômetros ao nordeste de Redding, em uma área que, à distância, parece um amontoado de cones de cinzas, irregulares e desgastados, e amplas planícies sob um céu sem nuvens, Burney Falls é uma das maiores surpresas da Califórnia. Chamada por Teddy Roosevelt de “oitava maravilha do mundo”.

O amplo paredão de água está na sua frente, lançando-se de modo estrondoso sobre um tobogã de musgo, espirrando água na superfície coberta por samambaias, refletindo um arco-íris pelos dois lados e, finalmente, mergulhando com tanta força e rapidez em uma piscina límpida, que você consegue ver um túnel de bolhas de ar alcançando as profundezas abaixo da superfície. As principais quedas têm sua origem no topo da falésia, mas grandes volumes de degelo também jorram da superfície rochosa vulcânica, semelhante a uma peneira.

Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 10 – (22 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Visita o Parque Lassen, um local de águas vulcânicas onde trabalharemos os elementos FOGO e TERRA…

O Lassen Volcanic National Park é o lar de fumarolas fumegantes, prados sardentos com flores silvestres, lagos de montanhas claras e numerosos vulcões. Picos irregulares contam a história de seu passado eruptivo enquanto a água quente continua a moldar a terra. Lassen Volcanic oferece oportunidades para descobrir a maravilha e os mistérios dos vulcões e da água quente para os visitantes dispostos a explorar os que não foram descobertos.

Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 11 – (23 de maio de 2019) Monte Shasta

Café da manhã. Dia livre para atividades na Cidade de Shasta. Pernoite no Monte Shasta.

 

Dia 12 – (24 de maio de 2019) Monte Shasta – Los Angeles 960 km

Café da manhã. Partida para Los Angeles. Pernoite em Los Angeles.

 

Dia 13 – (25 de maio de 2019) Los Angeles

Café da manhã. Dia livre para atividades na Cidade de Los Angeles. Pernoite em Los Angeles.

 

Dia 14 – (26 de maio de 2019) – Los Angeles / São Paulo

Em horário oportuno, transfer para o aeroporto de Los Angeles para embarque em voo de regresso.

 

*Informações sobre validade de PASSAPORTE, VACINAS e VISTOS que possam ser necessários para sua viagem devem ser consultados com as respectivas embaixadas, consulados ou despachantes de vistos. Verifique essa necessidade para todos os países envolvidos na viagem, mesmo aqueles onde há apenas uma escala. Lembre-se que alguns países exigem que o passaporte tenha uma validade mínima de 6 meses para embarcar.